Como Jogar na Lotofácil: Dicas Importantes

Como o nome já diz, jogar na Lotofácil é algo fácil mesmo, sendo uma das loterias mais praticadas no nosso país. O seu mecanismo é muito simples e ela conta com alguns recursos que podem ser usados para facilitar ainda mais o jogo.

Então, para saber mais sobre como jogar na Loto fácil, continue lendo e confira os detalhes a seguir.

Como jogar na Lotofácil

Para jogar na Lotofácil, tudo o que você precisa fazer é escolher e marcar entre 15 e 18 números e um canhoto com 25 números.

O valor irá variar de acordo com a quantidade de números marcados e se você quer ganhar o prêmio máximo, precisa acertas os 15 números sorteados.

No entanto, claro, essa loteria já oferece premiações desde os 11 acertos, mas com um valor mais baixo, obviamente.

Como é o funcionamento da Lotofácil?

Os prêmios que são dados aos ganhadores correspondem a 43,35% do total arrecadado no sorteio anterior. Ao todo, são sorteados 15 números e pode ganhar prêmios fixos aqueles que acertam 11, 12 ou 13 números, sendo o prêmio no valor de R$ 5, R$ 10 e R$ 25, respectivamente.

Depois que esses prêmios fixos são descontados, o valor restante é dedicado ao pagamento de quem acertou 14 e 15 números na loteria.

Quem fez 14 acertos irá receber o equivalente a 20% e quem acertou 15 números recebe o equivalente a 65%. Já os 15% restante ficam acumulados para compor o prêmio máximo dos sorteios especiais, como a Lotofácil da Independência, que acontece em setembro.

Que dia são feitos os sorteios da Lotofácil

Os sorteios da Lotofácil são feitos todas as segundas, terças, quartas, quintas e sextas-feiras e também aos sábados. O horário do sorteio é sempre as 20h pela Loteria Federal.

Vale lembrar que a Lotofácil conta com um recurso chamado de “teimosinha”. Nesse caso, quando você fizer o seu primeiro jogo, pode pagar a mais para que ele valha também para outros sorteios.

Assim, seus números escolhidos podem valer por 3, 6, 12, 18 ou até 24 sorteios consecutivos. Essa é uma ótima alternativa para quem faz sempre o mesmo jogo.

Quanto custa jogar na Lotofácil

Conforme foi explicado, você pode jogar com 15 a 18 números para acertas os 15 sorteados. No entanto, conforme a quantidade de números escolhidos, o valor aumenta.

Para um jogo simples com 15 números, o valor é de R$2,50. Para 16 números é de R$40, para 17 é de R$340 e para 18 é de R$2.040.

Fonte: https://loto-facil.net/

Sexualidade Segura e Gratificante: Veja 5 dicas Exclusivas

Desfrutar de uma sexualidade satisfatória e segura está ao alcance de todos . No entanto, é importante sempre ter em mente alguns conselhos que, talvez, alguns de nós às vezes tendem a esquecer. Por esse motivo, no artigo de hoje resumimos as 5 dicas fundamentais para uma sexualidade plena.

Cuidar da nossa esfera sexual e vivê-la de forma saudável é muito importante para se sentir bem. Às vezes, porém, não sabemos em que prestar atenção, por isso queremos lembrá-lo dos pontos básicos.

Como desfrutar de uma sexualidade segura e gratificante?

A sexualidade é uma parte fundamental da nossa personalidade. Por isso, cada um de nós o expressa de maneira diferente. No entanto, existem “regras” fundamentais que se aplicam a todos os casos.

Algumas dicas são muito importantes e devem ser sempre lembradas, pois a irresponsabilidade pode comprometer seriamente a nossa saúde.

1. Proteja sua saúde

Aqui está o primeiro conselho, muito importante, para desfrutar de uma sexualidade satisfatória e segura. Trata-se de nos proteger da possibilidade de contrair ou infectar infecções ou doenças sexualmente transmissíveis. Não pense que é raro, é uma condição que atualmente afeta grande parte da população.

Conforme declarado pelo National Institute of Health (ISS), a infecção pelo HPV , o vírus do papiloma humano, são extremamente frequentes; de fato, estima-se que até 80% das mulheres sexualmente ativas contraem durante a vida.

Este vírus pode ser perigoso porque uma das cepas pode causar o aparecimento de câncer uterino. A ISS alerta que mais de 50% dos casos contraem uma cepa com alto risco oncogênico.

Leia também: Como controlar a ejaculaçao precoce com exercicios

2. Conheça seu corpo para desfrutar de uma sexualidade segura e satisfatória

Para desfrutar plenamente da sua sexualidade, é essencial conhecer bem o seu corpo. Isso também inclui os órgãos genitais. Você ficará surpreso ao saber que muitas pessoas nunca olharam para seus órgãos genitais e, mais ainda, aqueles que nunca os tocaram.

Masturbar-se , tocar-se e olhar-se é uma forma saudável de conhecer o seu corpo , de perceber o que gostamos e o que não gostamos e de descobrir novas formas de prazer. Isso nos permitirá experimentar as relações sexuais em um nível mais elevado e mais consciente.

3. Use métodos anticoncepcionais se a gravidez não for desejada

Se você não quer um filho e quer apenas ter uma sexualidade plena e segura, então é essencial o uso de anticoncepcionais. A pílula é muito eficaz e com um preservativo (que também protege contra o contágio de infecções e doenças sexualmente transmissíveis) será a mistura perfeita para aproveitar ao máximo o momento.

Aconselhamos que consulte sempre o seu médico para escolher o método de contracepção mais adequado para o seu caso. É possível que você esteja melhor com um do que com outro. E, caso você queira tentar ter um filho , terá que parar de usar anticoncepcionais.

4. A comunicação é essencial

A quarta dica de hoje para viver uma vida sexual plena e segura é esta: comunique-se , comunique-se, comunique-se! Se preferir mudar de posição ou que seu parceiro toque em você em outro lugar, você pode, na verdade deve, dizer isso.

Uma boa comunicação é a base para um relacionamento sexual muito mais agradável. Quando sabemos o que gostamos e comunicamos, os relacionamentos alcançam outro nível de prazer. Além disso, aprenderemos a comunicar de forma assertiva o que queremos, algo que nos fará bem, além da esfera sexual.

5. Jogue e experimente

Para desfrutar de uma sexualidade gratificante, é muito bom vivê-la como um jogo e experimentar coisas novas . Uma das maneiras mais fáceis é escolher jogos eróticos que podem reacender a centelha no relacionamento.

Às vezes, sentimos vergonha ou podemos nos sentir inseguros. Se isso acontecer conosco, talvez devamos refletir sobre nossa autoestima . Acontece que não se vive plenamente a sexualidade porque a relação com o corpo não é bem vivida. Se este for o seu caso, converse com um especialista.

Esperamos que essas 5 dicas tenham despertado em você o desejo de desfrutar de uma sexualidade satisfatória e segura e que o tenham feito refletir sobre alguns aspectos que você pode ter esquecido. A comunicação, o uso do preservativo, a autoestima e o conhecimento do corpo são os pilares que lhe permitirão viver as relações íntimas com tranquilidade.

Você se sente satisfeito com suas relações sexuais? Dos aspectos sobre os quais conversamos, qual foi o que mais te surpreendeu? Ouça o seu corpo, descubra-o e desfrute sempre da sexualidade com segurança, sem barreiras e sem inseguranças.

Como controlar a diabetes com alimentação

Segundo o Ministério da Saúde, o número de pessoas com diabetes aumentou 61,8% no Brasil, e a alimentação, sem dúvida, é uma das principais formas de controlar a doença, evitando picos de açúcar no sangue (hiperglicemia), que pode causar complicações.

Certamente, o uso de medicamentos adequados, suplementos naturais para diabéticos como o Bio Mass Caps, exercícios e uma alimentação equilibrada fazem toda a diferença no controle da doença e na qualidade de vida de quem convive com diabetes.

Por isso, resolvemos mostrar aqui aqueles alimentos que, embora não substituam os medicamentos, não podem faltar no cardápio de quem quer controlar a diabetes. São eles:

Aveia

Rica em betaglucana, que forma uma espécie de gel grosso no organismo, retardando o esvaziamento do estômago, assim como a absorção de glicose pelo sangue, auxiliando, assim, o controle glicêmico, impedindo a rápida elevação da taxa de açúcar no sangue. E mais, a aveia também melhora a sensibilidade à insulina.

Brócolis

Possui um composto (glucorofanina) que o corpo transforma em sulforafano, um antioxidante que reduz a produção de glicose pelo fígado.

Canela

Ótima para ajudar no controle glicêmico, que regula os níveis de glicose no sangue, evitando a hiperglicemia, rápida liberação de grandes quantidades de açúcar. A dica é adicionar às refeições, sem exagerar.

Carboidratos integrais

Eles preservam a parte interna do grão, ricos em fibras e proteínas que auxiliam no controle glicêmico. Porém, atenção, só é considerado, realmente, integral o produto que preserva cerca de 50% de grão integral.

Maçã

Contém Pectina, que é uma fibra solúvel que modifica a carga glicêmica da refeição, dessa forma, promovendo a absorção mais gradativa da glicose, além de, também, ajudar a prolongar a sensação de saciedade e regular o intestino

Oleaginosas

Nozes, amêndoas, castanha, castanhas de caju, macadâmia, entre outros, Ricas em magnésio, além de gorduras boas e ácidos graxos mono e poli-insaturados, que ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue. Nozes, amêndoas, castanha, castanhas de caju, macadâmia, entre outros, são alguns exemplos.

Alimentos não proibidos, mas pedem moderação

Quem tem diabete não deve cortar nenhum alimento, completamente, do cardápio, apenas consumir com moderação e equilíbrio.

Açúcar

A sacarose, assim como, alimentos contendo o ingrediente, não são proibidos, pois não aumentam a glicemia mais do que alguns carboidratos, desde que ingerida em proporções similares. Vale saber que a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que a ingestão de açúcar não ultrapasse 5% das calorias totais/dia, prestando atenção no “açúcar oculto” dos alimentos industrializados. Por exemplo, uma colher de sopa de ketchup fornece 4 gramas de sacarose.

Frutas secas

É preciso considerar que as frutas secas, apesar de serem ricas em nutrientes e fibras, contém uma alta concentração de frutose, por causa da retirada da água, fazendo com que se consuma quantidades excessivas de carboidratos. Por isso, muito cuidado com a quantidade, e com que irá associar. A dica é apostar em alimentos ricos em proteínas e gorduras boas, que auxiliam no controle glicêmico, como castanhas e queijos brancos.

Produtos diet

Muitas vezes eles são ricos em gorduras e possuem valor calórico semelhante a sua versão normal, por isso, só consuma com a orientação médica.

Álcool

A ingestão diária para mulheres deve ser limitada a uma dose, ou menos, e para homens, duas doses ou menos. Já sabendo que uma dose equivale a 150 ml de destilados. É preciso saber que ao beber, a pessoa deixa o fígado tão ocupado em lidar com o álcool, que ele não consegue produzir glicose. Por isso, se não puder evitar, não exagere.

Alimentos que deve evitar:

Alimentos gordurosos

Quem tem diabete apresenta, naturalmente, maior risco de doenças cardiovasculares, e o acúmulo de gordura visceral é mais outro grande fator de risco, obrigando o pâncreas a produzir cada vez mais insulina para facilitar a entrada de glicose nas células.

Ultraprocessados

Geralmente eles contém muito açúcar, sal e gordura, fazendo com que se consuma sem perceber, ao final do dia, mais do que o recomendado.